10 PONTOS DE CONTRASTE ENTRE O PROTESTANTISMO E O CATOLICISMO SOBRE O TEMA DA
JUSTIFICAÇÃO

1o. – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: Justificar é o ato divino de considerar justo o pecador pela imputação da justiça de Cristo em seu favor.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA: Justificar significa ser tornado justo por Deus, que infunde graça regenedora no coração de pecador penitente.

2o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: O homem é justificado por uma justiça extrínseca, ou seja, inteiramente fora dele.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  O homem é justificado por uma justiça intrínseca, colocada por Deus no seu íntimo.

3o. – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: Justificação é o veredito divino sobre um homem, na pessoa de Cristo, com base em sua fé.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:   Justificação é o ato divino de aceitação do homem que envolve sua regeneração.

4o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: A justificação capacita Deus a tratar o pecador  como se fosse justo.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  Justificação significa que o homem é realmente tornado justo pela ação regeneradora do Espírito Santo que lhe foi concedido por Deus.

5o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: O pecador é pronunciado justo porque Cristo, seu substituto, é visto como justo diante de Deus.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  O crente é pronunciado justo porque o espírito de graça o torna justo.

6o.  – A)) POSIÇÃO PROTESTANTE:Justificação é um ato tão infinito que não pode reduzir-se a uma experiência intra-humana.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  Justificação é uma declaração de que de fato o homem, por um ato de graça no seu íntimo, foi tornado justo.

7o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: Justificação é recebida somente pela fé.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  Justificação é recebida pela fé que se torna ativa pela caridade.

8o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: O pecado ainda permanece na natureza do homem após sua justificação e regeneração.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA: A justificação erradica completamente o pecado, só permanecendo a concupiscência e a fraqueza.

9o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: O crente não pode reivindicar qualquer mérito por boas obras realizadas, mesmo as praticadas graças ao poder capacitador de Deus.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  A graça santificadora no íntimo do crente torna suas boas obras aceitáveis a Deus.

10o.  – A) POSIÇÃO PROTESTANTE: Em todas as ocasiões o crente é somente aceito na pessoa de Cristo, seu Substituto.

 B) POSIÇÃO CATÓLICA:  A graça santificadora no íntimo do crente torna-o aceitável diante de Deus.
 
 


Se desejar se comunicar com o autor, mande um e-mail para o link em baixo:

Professor Azenilto G. Brito
Ministério Sola Scriptura profazenilto@hotmail.com

*************************** 

Outras Opções




Clique aqui para ir para a página do Prof. Azenilto ARTES CULINARIAS

  Clique aqui para para ir para a página de Historietas-Didaticas"

Clique aqui para ver artigos sobre Os"DEBATES CATÓLICOS"

Clique aqui para ver artigos sobre as "DOUTRINAS CATÓLICAS"

 Clique aqui para ver artigos sobre  SÁBADO OU DOMINGO

 Click aqui para ver artigos sobre a "Imortalidade"

 Click aqui para ler sobre as leis dietéticas

 Click aqui para ver artigos sobre as divisões das leis

 Clique aqui para voltar aos outros artigos

 Clique aqui para ir para os Artigos Numerados

 Clique aqui para ir para a pαgina de livros.

 Ministerio Sola Scriptura


/font>